Primeiro caso da variante Ômicron é confirmado nos Estados Unidos

0
130


Indivíduo infectado retornou da África do Sul em 22 de novembro de 2021; a pessoa, que não teve os dados divulgados, está com sintomas leves

EFE/EPA/SHAWN THEWÉ o primeiro caso da nova variante em território estadunidense

O Centro de Controle e Prevenção de Doenças dos Estados Unidos (CDC) confirmou nesta quarta-feira, 1º, o primeiro caso da variante Ômicron em São Francisco, na Califórnia. Segundo o imunologista Anthony Fauci, diretor do Instituto Nacional de Alergia e Doenças Infecciosas dos Estados Unidos, o indivíduo infectado retornou da África do Sul em 22 de novembro de 2021 e testou positivo para a Covid-19 na segunda-feira, 29. A pessoa, que não teve a identidade revelada, está com esquema vacinal completo contra a doença e apresentou apenas sintomas leves da doença, que já estão melhorando. Ela está em quarentena e todos os seus contatos próximos foram testados e tiveram resultados negativos.

Biden havia alertado que ‘mais cedo ou mais tarde’ Ômicron chegaria ao país

O presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, havia alertado na segunda-feira, 29, que “mais cedo ou mais tarde” a Ômicron chegaria ao país. Durante pronunciamento à população, Biden pediu que os cidadãos não entrassem em pânico e incentivou a vacinação. “Sabemos, porém, que por mais que as restrições possam diminuir a disseminação do vírus, elas não podem evitar que elas cheguem aqui. Mais cedo ou mais tarde veremos casos da variante aqui nos Estados Unidos”, apontou o presidente na ocasião. “Eu sei que vocês estão cansados de me ouvir falando isso, mas a melhor proteção contra essa nova variante ou contra qualquer outra variante é se vacinar completamente, tomar a dose de reforço também. A maioria dos norte-americanos estão vacinados, mas não tomaram a dose de reforço”, afirmou, lembrando que as doses são gratuitas e distribuídas em mais de 80 mil pontos diferentes.





Source link