PF realiza operação em 20 Estados e no DF contra rede de pedofilia na darkweb

0
157


Investigação teve início em 2016, em parceria com forças policiais de outros países, e identificou brasileiro que gerenciava cinco dos maiores sites de abuso sexual infantil da internet

Divulgação/PFOperação Lobos cumpriu 104 mandados de busca

A Polícia Federal realizou nesta sexta-feira, 3, a Operação Lobos II, com objetivo de desarticular uma rede de abuso sexual infantil que atuava na darkweb, parte oculta da internet, em várias partes do mundo. Foram cumpridos 104 mandados de busca e apreensão e oito de prisão preventiva em 20 Estados e no Distrito Federal, além do resgate de crianças. A investigação teve início em 2016, em parceria com forças policiais de outros países. Segundo a PF, a rede produzia e realizava a difusão de fotos e comentários acerca de abuso sexual de crianças e adolescentes, além de alimentar a demanda por esse tipo de material. Ao longo da apuração, a polícia identificou e prendeu um brasileiro, que não teve a identidade divulgada, que utilizava a deepweb para hospedar e gerenciar cinco dos maiores sites de pedofilia de toda a rede mundial de computadores. Os sites eram utilizados por mais de 1,8 milhão de usuários. Na época, a prisão não foi divulgada para que a investigação conseguisse identificar outros produtores e consumidores desse tipo de material, presos nesta segunda fase da operação Lobos. Os criminosos poderão responder por venda, produção, disseminação e armazenamento de pornografia infantil, e estupro de vulnerável.

 

 





Source link