‘Mais conteudista’: professores avaliam prova do segundo dia do Enem

    0
    52


    Neste domingo (28), milhares de estudantes responderam 90 questões de matemática e ciências da natureza para o segundo dia do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2021. Na avaliação de professores das disciplinas envolvidas, a prova deste ano apresentou um nível de dificuldade mais alto, com menos interpretação de textos e mais cobrança sobre domínio de conteúdos, mas sem perder o caráter interdisciplinar do exame.

    “A gente teve uma melhor distribuição de temas, mas, ainda assim, houve uma concentração de botânica”, observou o professor de biologia Daniel Senna, do Colégio Boa Viagem (CBV). “Classificaria a prova como de mediana a difícil”.

    O professor de química Pietro Sales considerou que não houve muitas surpresas. “Percebe-se uma pulverização de temas que contempla o aluno que dedicou seu tempo para o exame. A prova de química, em relação às anteriores, poderia ter exigido uma profundidade maior”, avaliou. “A prova é conteudista, mas não é cansativa”, complementou o professor de física César Staudinger. “Ela também foi tradicional na divisão de conteúdos. Elétrica, ondulatória, mecânica e termologia são as partes que sempre caem mais”.

    Já o professor de matemática Geraldo Silveira considerou a prova tranquila e um pouco mais conteudista do que o esperado. “Predominou a parte de estatística e teve oito questões de geometria. Foi uma prova boa, mais fácil que a do ano passado, e a maioria das questões vinha com contexto”, disse.

    Veja também

    Pernambuco registra 106 novos casos e seis mortes por Covid-19 nas últimas 24h

    Coronavírus

    Pernambuco registra 106 novos casos e seis mortes por Covid-19 nas últimas 24h

    Reino Unido convoca reunião urgente de ministros da Saúde do G7 sobre variante ômicron

    Coronavírus

    Reino Unido convoca reunião urgente de ministros da Saúde do G7 sobre variante ômicron





    Source link