[LISTA] 7 clipes para você matar a saudade dos anos 2000

    0
    54


    t.A.T.u.
    Crédito: divulgação
    Ouça a nova música lo-fi de Juliah com Aloizio

     

    Ouça o single de Gus Nascimento!

     

    Nesta quinta-feira (27), Anitta lançou seu tão comentado novo single “Boys Don’t Cry” que, segundo a cantora, é o seu projeto mais ambicioso cantado em inglês e remete à adolescência da cantora nos anos 2000.

    Ao flertar com a estética do Rock, a carioca dividiu opiniões. No entanto, falem bem ou mal, Anitta segue no topo do mercado nacional e busca novas oportunidades na indústria estrangeira.

    Aproveitando o lançamento inspirado em grupos como Panic! At the Disco, montamos uma lista com bandas e artistas que marcaram a música Pop nos anos 2000, passando por gêneros como o Emocore, o Indie e o Rock. Relembre a seguir alguns destaques da música no mundo no início do século 21 e aumente o som!

    All Time Low – “Dear Maria, Count Me In”

    All Time Low
    Foto: Divulgação

    Nossa lista começa com o All Time Low e seu hit “Dear Maria, Count Me In”. Quem era adolescente 15 anos atrás provavelmente conhece a canção e talvez cantasse o refrão bem alto!

    O grupo se tornou notável por ter alguns dos fãs mais apaixonados da cena Emo que, inclusive, os acompanham até hoje. Recentemente, a música que faz parte do álbum So Wrong, It’s Right (2007) voltou com tudo ao viralizar no TikTok, apresentando para a Geração Z este hino nunca esquecido.

    Simple Plan – “Welcome To My Life”

    Foto: Stephanie Hahne/TMDQA!

    Com “Welcome To My Life”, o Simple Plan se tornou um estrondoso sucesso aqui no Brasil, fazendo turnês seguidas pelo país e até aparecendo ao vivo no Big Brother Brasil 7, em 2007.

    Aliás, o grupo canadense foi a primeira atração internacional na história do reality show global. Tá bom? “Welcome To My Life” integra o disco Still Not Getting Any… (2004).

    t.A.T.u. – “All The things She Said”

    t.A.T.u.
    Crédito: divulgação

    É difícil encontrar alguém que nunca tenha ouvido falar da dupla feminina russa que causava muito burburinho na mídia quando surgiu. Isso se dava em grande parte por ninguém saber se as meninas eram de fato um casal ou se tudo não passava de encenação.

    Trata-se do t.A.T.u., duo formado por Yulia Volkova e Lena Katina que conquistou o mundo com o hit “All The Things She Said” em 2002. Mais tarde, ficou claro que elas não tinham envolvimento amoroso.

    Já no final do ano passado, Yulia e Lena voltaram aos holofotes quando o coautor da faixa, Serguei Galonian, ao saber do retorno do t.A.T.u., afirmou que não vai permitir o uso de suas canções. Ele também é proprietário de “Not Gonna Get Us”, outro sucesso delas.

    O término do duo aconteceu em 2011, dois anos depois do lançamento do disco Waste Management (2009). “All the Things She Said” está no álbum de estreia 200 km/h in the Wrong Lane (2000).

    Good Charlotte – “The Anthem”

    Good Charlotte

    Uma das bandas Emo/Pop Punk mais populares nos anos 2000 era o Good Charlotte, liderado pelos irmãos Benji e Joel Madden.

    Os caras adotavam uma estética parecida em suas roupas e estilos, o que os ajudou a ganhar relevância no período. Em questão de sonoridade, a banda estourou porque sabia fazer muito bem o que precisava ser feito na época, desde refrães fortes a riffs poderosos que faziam todo mundo dançar.

    O grupo entregou um verdadeiro hinário em 2002 com The Young and the Hopeless, disco que abriga o hit “The Anthem”, além de outros sucessos como “Lifestyles of the Rich & Famous” e “Girls & Boys”.

    Desde então, o Good Charlotte é um dos que mais perdeu relevância, mas ainda marca presença em qualquer sessão de nostalgia!

    The Used – “All That I’ve Got”

    Novo álbum da banda The Used está pronto

    “All That I’ve Got” é o segundo single do álbum In Love and Death, lançado pelo The Used em 2004. A música, que se tornou um grande sucesso da banda, foi dedicada ao cachorro do vocalista Bert McCracken.

    Carinhosamente apelidado de David Bowie, o animal foi atropelado por um caminhão durante as gravações do disco. Outro fato trágico está relacionado à canção, pois a letra fala sobre uma ex-namorada de Bert que morreu de overdose enquanto estava grávida. Pesado, né?

    Além de McCracken, o grupo é formado por Quinn Allman (guitarrra), Jeph Howard (baixo) e Branden Steineckert (bateria). O disco mais recente do The Used foi Heartwork (2020).

    The Libertines – “Don’t Lock Back Into The Sun”

    Um dos roqueiros mais problemáticos nos anos 2000, Pete Doherty fazia sucesso naquela época com o The Libertines. O hit “Don’t Look Back Into the Sun” foi o quarto single da banda e não aparece em nenhum álbum.

    Anos depois, a música ressurgiu nos créditos finais do filme Versos de um Crime (2013), estrelado por Daniel Radcliffe, em que o astro da franquia Harry Potter interpreta o poeta beatnik Allen Ginsberg.

    A canção ainda fez parte da cinebiografia de Steve Jobs lançada em 2015 e protagonizada por Michael Fassbender. Dirigido por Danny Boyle, o longa levou o nome do fundador da Apple.

    Dashboard Confessional – “Stolen”

    Dashboard Confessional

    Para encerrar a lista, escolhemos o Dashboard Confessional. Provavelmente, a banda não está entre as mais conhecidas da nossa seleção, mas tem um lugar garantido em nossos corações.

    “Stolen” foi o segundo single liberado do quarto disco de estúdio do grupo, Dusk and Summer (2006). O disco mais recente dos caras foi Crooked Shadows (2018), mas a banda está de volta com a canção “Burning Heart”, que estreou seu clipe nesta sexta-feira (28).

    A nova faixa estará no álbum All The Truth That I Can Tell, com previsão de lançamento para 25 de Fevereiro. Já aguardamos!





    Source link