Graças ao Pop, vendas de CDs aumentam pela primeira vez desde 2004

    0
    99


    Foto de CD Player via Shutterstock”>CD Player, CDs
    Foto de CD Player via Shutterstock

     

    A nostalgia está no ar! De acordo com dados divulgados pela Billboard (via Spin), a venda de CDs nos Estados Unidos aumentou em 2021 e registrou um recorde pela primeira vez desde 2004.

    Segundo os números apontados pela publicação, a comercialização do formato no ano passado subiu 6,3%, o que representa 40,59 milhões de unidades vendidas. Para efeito comparativo, em 2020, foram comercializadas 40,16 milhões de unidades.

    Os números são impulsionados pelos grandes lançamentos do Pop em 2021.

    Isso inclui o último álbum de Adele, 30 (900 mil unidades), além das novas versões dos discos de Taylor Swift, Fearless (263 mil) e Red (237 mil). Também contribuíram bastante Map of the Soul: 7 (210 mil) e Be (187 mil), ambos do BTS, e SOUR (195 mil), de Olivia Rodrigo.

    A história dos CDs

    O formato compact disc foi inventado em 1982 e revolucionou o mercado da música digital, principalmente nos anos 1990.

    Mais flexível que o vinil (embora muito menos charmoso) e com uma qualidade sonora que não era reconhecida em outros formatos, como a fita cassete, o CD rapidamente se popularizou mas entrou em declínio comercial na primeira década do milênio.

    Fica a pergunta: será que é hora da gente retomar nossa coleção de CDs?

    LEIA TAMBÉM: Vendas de vinil nos EUA quebram recorde na semana anterior ao Natal





    Source link