Exageros com comidas gordurosas e álcool podem estragar a festa; saiba como se cuidar

0
101


Consumo excessivo desses alimentos ricos em açúcares pode levar a doenças como obesidade e diabetes e ainda agravar os riscos de doenças cardiovasculares

PixabayCeias de Natal e Ano Novo no Brasil são repletas de alimentos gordurosos e com muito açúcar

Quando chega o fim do ano, Carolina Diniz e sua família fazem uma pausa de alguns dias e se preparam para uma ceia bem farta.”Aqui o Natal é, eu acho, a festa mais taurina que a gente tem, a festa que mais se come muito aqui em casa. A gente reúne a família toda. Como ano passado não conseguiu fazer as comemorações como estávamos acostumados, esse ano a gente aproveitou para melhorar isso aí. Então vai vir toda a família. Cada um traz um prato, cada um traz aquilo que o outro mais gosta de comer e é muita comilança, é muita bebida, é uma peça de fartura mesmo. Entre o Natal e o Ano Novo, nós tentamos correr um pouquinho atrás do prejuízo, porque chega o Ano Novo é ‘comilança’ outra vez. Mas no restante do tempo a gente tem que voltar para a dieta e fazer as coisas direitinho”, conta Carolina.

Fim de ano é uma temporada de comidas maravilhosas. Por isso é muito importante ter cuidado e não ingerir gordura, nem fritura num curto espaço de tempo, porque pode causar malefícios para o corpo. Além disso, é preciso tomar cuidado também com a ingestão de bebida alcoólica, fora que a caloria, o açúcar e o sódio da bebida podem dificultar a circulação sanguínea. Andréia Pereira, nutróloga do Hospital Israelita Albert Einstein, especialista nas áreas de obesidade e oncologia, sugere não comer restos das ceias de Natal e no Réveillon. O consumo excessivo desses alimentos ricos em açúcares pode levar a doenças como obesidade e diabetes e ainda agravar os riscos de doenças cardiovasculares.

*Com informações do repórter Victor Moraes





Source link

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui