E-commerce brasileiro teve aumento 39,4% nas vendas em outubro, mostra pesquisa

0
26


Principal alta aconteceu no setor literário, com crescimento de 82,9% no período

John Schnobrich/UnsplashE-commerce brasileiro teve um aumento de 39,4% em outubro, em comparação ao período pré-pandemia em outubro de 2019

O e-commerce brasileiro teve um aumento de 39,4% em outubro, em comparação ao período pré-pandemia em outubro de 2019. É o que aponta uma pesquisa da Mastercard SpendingPulse. O presidente da empresa, João Pedro Paro Neto, afirmou que o crescimento de vendas pela internet já vinha acontecendo antes da pandemia, mas o período de isolamento contribuiu ainda mais e que isso foi possível porque já havia uma estrutura prévia. “No começo a gente percebeu que isso foi se intensificando, porque as pessoas começaram a usar e a se acostumar. Digo sempre que naquele momento já tínhamos essas coisas implantadas, imagina se não tivéssemos aplicativos funcionando adequadamente? Não teríamos condições de suportar a alta demanda do ano passado.

Segundo o levantamento, os setores que tiveram grande destaque no e-commerce em outubro no Brasil, na comparação com o mesmo mês em 2019 foram: o literário cujo crescimento foi de 82,9%; eletrônico com aumento de 78,2% e o moveleiro, que superou as vendas em 6,4%. A publicitária Bruna Oliveira conta que sempre gostou de ler e comprar livros pela internet. Com a pandemia, esse hábito se tornou ainda mais frequente. “Compro bastante livro, basicamente toda semana. Tenho duas estantes, elas estão bem cheias. Não é um hábito que adquiri na pandemia, mas é um hábito que aumentou muito, principalmente por eu ter ganhado mais tempo para ler.”

Apesar do e-commerce terem crescido em 2020, este ano apresentou uma redução de 24,9%. Já as vendas totais do varejo aumentaram 23,6% na comparação com o período pré-pandêmico. João Pedro Paro Neto afirma que os mecanismos de segurança de compras pela internet são tão efetivos como os de compras presenciais ‘Um transação de um cartão não presente ou de um cartão presente, elas tem o mesmo grau de segurança. Os diferentes ambientes de internet aplicaram essa funcionalidade, que é o que não tínhamos”, afirma. As regiões Norte e Centro-Oeste tiveram maior crescimento, com 7,8% e 4,6%, respectivamente. Em seguida vem Sul, com 4,2% e Sudeste com 2,3%.A região Nordeste foi a única que teve queda, com 0,3%.

*Com informações da repórter Camila Yunes





Source link

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui