Cidade do Rio de Janeiro pode ficar sem vacinas contra Covid-19

0
84


Estoque atual é suficiente apenas para vacinar até a próxima quarta-feira; prefeitura faz campanha para aumento da adesão aos imunizantes

Bienvenido Velasco/EFEVacinação no Rio de Janeiro pode ser comprometida caso novos lotes de vacinas não cheguem nesta semana

Em meio a campanha de ampliação da vacinação contra a Covid-19 em crianças, a prefeitura do Rio de Janeiro vive uma ameaça de ficar sem imunizantes. A secretaria municipal informou que tem estoques baixos no momento, apenas 50 mil doses pediátricas da vacina da Pfizer, que está autorizado para ser aplicada nas crianças. A quantidade é suficiente para imunizar as crianças somente até a próxima quarta-feira, 16. A secretaria informou também que os estoques de CoronaVac – vacina destinada às demais faixas etárias, principalmente adultos – estão praticamente zerados na capital fluminense. No Rio de Janeiro, muitas crianças não tomaram a vacina contra a Covid-19 e a dose de reforço também tem baixa adesão entre os adultos. A expectativa da prefeitura do Rio de Janeiro, que começou a vacinar até a vacinar crianças dentro de escolas, é melhorar a taxas. São 270 mil crianças sem vacinas. A campanha nas escolas visa ampliar a adesão em mais 200 mil crianças. Entre os adultos, apenas 48,9% tomaram a dose de reforço. No Rio de Janeiro, a doença vem perdendo força, mas, desde o início da pandemia, já matou mais de 70 mil pessoas.

*Com informações do repórter Rodrigo Viga





Source link