Bitcoin: atualização Taproot traz contratos inteligentes e privacidade

0
19


O Bitcoin (BTC) recebeu no último domingo (14) uma nova atualização chamada de Taproot, considerado o mais importante upgrade da criptomoeda. A novidade deve oferecer mais privacidade e segurança nas transações da rede blockchain, além de baratear e ampliar a possibilidade de uso de contratos inteligentes.

A mineração do bloco 709.632 ativou a introdução das assinaturas Schnorr, que fazem transações complexas com várias assinaturas parecerem normais, fazendo com que se pareçam com qualquer outra transação. Isso torna difícil para os bisbilhoteiros ou possíveis hackers rastrear transações maiores ou incomuns.

As assinaturas Schnorr também aumentam a eficiência. Ao permitir a combinação de três chaves públicas, essas assinaturas reduzem a necessidade de recursos computacionais para processamento das operações. Como resultado, as transações serão mais baratas de processar, levando a custos mais baixos das taxas.

Contratos inteligentes

Taproot ampliará uso do Bitcoin em aplicações DeFi. (Fonte: Pixabay/Geralt/Reprodução)Taproot ampliará uso do Bitcoin em aplicações DeFi. (Fonte: Pixabay/Geralt/Reprodução)Fonte:  Pixabay/Geralt/Reprodução 

Uma das principais diferenças entre Bitcoin e o Ethereum (ETH) é sua adequação para contratos inteligentes. Esses acordos digitais escritos em código e armazenados em blockchain são essenciais para impulsionar finanças descentralizadas (DeFi) e tokens não fungíveis (NFTs).

Comparado ao ETH, o Bitcoin tem sido historicamente muito mais limitado para acomodar contratos inteligentes. Entretanto, mesmo que o BTC provavelmente nunca seja tão flexível quanto o Ethereum do ponto de vista de um contrato inteligente, com o Taproot essa lacuna agora diminuirá.

As assinaturas Schnorr podem permitir que os usuários do BTC executem contratos inteligentes mais complexos do que anteriormente. Isso provavelmente levará a um aumento nas aplicações diárias de Bitcoin.

Impacto na cotação do BTC

Especialistas apontam que o impacto da atualização no Bitcoin é limitado. Após a ativação do Taproot, o preço do BTC disparou. A criptomoeda subiu de menos de US$ 63 mil para acima de US$ 66 mil no domingo, mas no início desta segunda-feira (15) a cotação começou a recuar sem alcançar seu recorde histórico, quando chegou perto dos US$ 69 mil.



Source link

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui