Angela Maria quer gravar Tim Maia pela primeira vez em disco de voz & violão

Written by on 11/06/2018


Por Mauro Ferreira, G1

Aos 89 anos, completados em 13 de maio, Angela Maria entra em estúdio no segundo semestre para gravar o 49º álbum de carreira fonográfica iniciada em 1951. O álbum será gravado somente com o violonista Ronaldo Rayol, tal como primeiro disco da artista nesse formato minimalista, Angela à vontade em voz & violão (2015), lançado há três anos pela gravadora Nova Estação.

Neste segundo álbum de voz & violão da discografia, a cantora fluminense – em foto de Murilo Alvesso – gravará músicas preferencialmente inéditas na voz de soprano projetada em escala nacional nos anos 1950, década áurea do samba-canção. Uma dessas músicas é Azul da cor do mar, balada de alma soul composta por Tim Maia (1942 – 1998) e gravada pelo cantor carioca no primeiro álbum, lançado em 1970.

Sapoti já disse ao produtor musical do disco, Thiago Marques Luiz, que quer incluir no repertório essa melancólica canção que fez sucesso retumbante assim que o primeiro álbum do cantor foi lançado, ajudando a transformar Tim Maia na grande sensação musical de 1970. Nesse ano de 1970, a propósito, Angela estava renovando o time de compositores do repertório, gravando músicas de Caetano Veloso e Edu Lobo, entre outros nomes da MPB nascida e glorificada na era dos festivais da década de 1960. Mas o fato é que, em 67 anos de carreira fonográfica, Angela Maria nunca gravou uma música de Tim Maia.

Este segundo disco de voz & violão deverá ser lançado em 2019, ano em que o Brasil festejará os 90 anos de Angela Maria, uma das maiores cantoras do país em todos os tempos.


Reader's opinions

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *



Current track

Title

Artist

Background