Alexandre de Moraes transfere Zé Trovão para prisão domiciliar com uso de tornozeleira eletrônica

0
128


Na decisão, ministro do STF afirma que os elementos que motivaram a detenção do caminhoneiro não se justificam; magistrado proibiu o líder dos caminhoneiros de se comunicar com outros investigados no inquérito

Reprodução/TwitterZé Trovão foi preso em outubro depois de ficar 1 mês foragido no México

O ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF) autorizou a transferência do caminhoneiro Marco Antonio Pereira Gomes, o Zé Trovão, para o regime domiciliar, fazendo o uso de tornozeleira eletrônica. A prisão preventiva de Zé Trovão foi decretada antes dos atos do dia 7 de setembro, mas ele só foi preso em outubro, depois que passou um mês foragido no México. Na decisão, o ministro afirma que os elementos que anteriormente motivaram a prisão não se justificam, o que fez com que ele convertesse a prisão para domiciliar. “Apesar da gravidade das condutas do requerente, investigadas no âmbito deste inquérito, em razão do lapso temporal decorrido entre o feriado nacional de 7/9/2021 e a presente data, não estão mais presentes, em relação a Marcos Antônio Pereira Gomes, os requisitos fáticos necessários à manutenção da prisão preventiva, como ressaltado pela PGR“, diz a decisão. Moraes também proibiu o caminhoneiro de se comunicar com outros investigados no inquérito.





Source link

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui